O e-mail marketing é um dos melhores canais para manter uma comunicação frequente com uma base de clientes ou futuros clientes da sua advocacia. Devido a nossa vasta experiência no desenvolvimento de projetos para advogados e escritórios de advocacia, conseguimos responder com este artigo as principais dúvidas que surgem na hora de iniciar uma campanha eficiente de e-mail marketing. Os benefícios dessa campanha são muito notáveis, mas também é preciso estar atento a diversos fatores que podem levar os seus objetivos por água a baixo.

Quais as vantagens de fazer e-mail marketing?

A possibilidade de criar e manter uma lista de contatos efetivos é um dos principais benefícios de fazer e-mail marketing corretamente, confira abaixo a lista de vantagens que você pode obter seguindo nossas dicas:

  • Baixo custo: Comparado a outros tipos de mídia, o custo de envio por cada e-mail marketing é quase zero.
  • Velocidade: Você pode enviar milhares de e-mails para se comunicar com a sua audiência em uma velocidade que você jamais conseguiria se fosse impressa por exemplo.
  • Personalização: As ferramentas de e-mail marketing atuais permitem que você crie listas segmentadas com sexo, assunto de interesse do seu público e diversas outras opções. Assim você pode criar campanhas que falem a linguagem que seu público está acostumado.
  • Novidades: No e-mail marketing você deixar sua base de clientes ou futuros clientes sempre atualizados das novidades do seu escritório ou de determinados assuntos. Também é possível inserir chamadas à ação levando os usuários ao seu site ou a leitura de outros artigos.
  • Integração: Você pode integrar a sua lista de e-mails à formulários externos como o seu site ou até mesmo as redes sociais. Assim você terá usuários que optaram por receber suas novidades.

Advocacias podem fazer e-mail marketing?

Segundo o Novo Código de Ética e Disciplina da OAB, um advogado não pode enviar Spam (mensagens para destinatários que não optaram por receber) e oferta de serviços para captação de clientes. Portanto podemos concluir que advogados podem enviar mensagens via e-mail sim, desde que não sejam propagandas de serviços ou autopromoção, mas que sejam conteúdos de interesse dos inscritos em sua lista de e-mail. Isso vai totalmente de encontro com a estratégia que recomendamos aos advogados no artigo blog para advocacia, onde explicamos que a melhor forma de criar uma audiência é gerando conteúdo no blog. Entenda que não estamos incentivando a criação de publicidade disfarçada de conteúdo, mas sim a geração de um conteúdo extremamente relevante e educativo para um determinado setor de mercado no qual você seja especialista. Se você tiver a capacidade de gerar conteúdo com uma certa frequência para este público, você vai conseguir aliar o e-mail marketing para divulgação desse material, unicamente para as pessoas que se inscreveram de livre e espontânea vontade no seu site, sem a prática de nenhum tipo de spam.

Mas o que é Spam?

Spam é realizar o envio com pouca ou alta frequência para uma lista de usuários que não solicitaram o recebimento dessas mensagens. Todos nós já abrimos nossa caixa de entrada no e-mail e nos deparamos com dezenas de e-mails que nós nunca solicitamos e estão ocupando toda a página. Todo esse conteúdo acaba indo para a lixeira e dificilmente são relevantes para a pessoa que recebe.
Um erro muito comum de advocacia e empresas em geral que estão começando a criação de uma campanha de e-mail marketing é achar que deve comprar listas com milhares de contatos. Isso é um grave erro pois além de identificar o e-mail da sua empresa como Spam para a maioria dos receptores de e-mail, acaba por obter pouco ou nenhum retorno sobre o investimento, já que aquelas pessoas dificilmente vão se interessar pelo conteúdo da sua mensagem.

Dicas para fazer e-mail marketing corretamente na sua advocacia

  • Conquiste sua lista: Jamais compre listas de e-mail marketing. Além de gastar dinheiro, você não vai obter resultados simplesmente porque os destinatários não solicitaram o recebimento dessas mensagens.
  • Crie pontos de obtenção de contatos: A melhor forma de captar contatos para sua lista é gerando conteúdo relevante e exclusivo. Monte um site com blog jurídico e crie conteúdo verdadeiramente relevante para determinado público alvo.
  • Segmente o seu público: Se no blog da sua advocacia você gera conteúdo para empresas e profissionais de diversos mercados, monte formulários de cadastro com opções de escolhas de áreas de atuação. O importante é enviar e-mails personalizados com assuntos que eles realmente se interessam.
  • Escreva um título atrativo: Não adianta ter o conteúdo mais personalizado e relevante, se o título não for atrativo o usuário não terá interesse em abrir seu e-mail.
  • Tome cuidado com imagens: Ao inserir imagens no corpo das mensagens você corre um grande risco dos serviços de e-mail bloquear sua mensagem. Se possível evite-as.
  • Acompanhe os resultados: As estatísticas de envio, taxas de abertura, taxa de cliques e as demais métricas são fundamentais para diagnosticar e otimizar a sua campanha.

Conclusão

Antes de iniciar uma campanha de e-mail marketing para advocacia, tenha em mente que você pode realizar essa campanha, mas deve ter cuidado para não ferir o Código de Ética. Além disso, fique atento para não enviar spam e busque gerar conteúdo relevante e educativo para o seu público.
E se você procura criar uma campanha de e-mail marketing da sua advocacia, conheça o pacote de serviços e solução que desenvolvemos exclusivamente para advogados e escritórios de advocacia.
Espero que tenham gostado do artigo e se ficou alguma dúvida, crítica ou sugestão por favor envie nos comentários que teremos enorme prazer em responder. Se gostou compartilhe essas dicas com seus amigos através dos botões de compartilhamento abaixo.

Compartilhe esse artigo com seus amigos!

RECEBA DICAS PARA SUA ADVOCACIA GRATUITAMENTE!

Insira seu e-mail e receba gratuitamente diversos materiais e dicas para trilhar o caminho do sucesso da sua advocacia! 
QUERO RECEBER!

Receba dicas exclusivas de como sua advocacia deve se posicionar na internet

Nós não enviamos SPAM
CADASTRE-SE