Você sabia que hoje em dia o Blog se tornou uma excelente ferramenta para captação de novos negócios? Antigamente ele era utilizado como uma espécie de diário virtual, mas hoje em dia a maioria das empresas que realizam qualquer estratégia de marketing no meio digital utilizam o Blog para manter uma constante comunicação com o seu cliente e público alvo. Essa ferramenta também pode ser utilizada por advogados e escritórios de advocacia de uma maneira diferenciada. Sem a realização de publicidade agressiva. Confira abaixo algumas dicas que listamos para que você crie o seu blog se preocupando apenas com o conteúdo.

Entenda o que você pode publicar

A primeira coisa que você deve saber sobre o conteúdo do seu blog, é que o blog para a sua advocacia JAMAIS deve ter publicidade disfarçada de conteúdo. Este não é um canal para você realizar todo o tipo de notícias para se promover ou falar unicamente da trajetória da sua carreira ou seu escritório. Atualmente poucos escritórios de advocacia utilizam essa poderosa ferramenta de comunicação, mesmo levando em consideração que a publicação de conteúdo na internet não é proibida pelo Código de Ética da OAB.
Um site na internet apenas com conteúdo institucional não gera acessos orgânicos (A não ser que a agência responsável esteja aplicando técnicas de SEO). Para garantir o acesso através de um site com conteúdo institucional muitos escritórios de advocacia acabam por realizar publicidades indevidas na internet pagando por cliques ou banners que violam o Código de Ética e Disciplina da OAB. Portanto desenvolver um blog para sua advocacia é a melhor forma de gerar conteúdo relevante para conquistar seu público-alvo, com isso você conseguirá naturalmente cativar uma audiência e manter o seu site sempre movimentado.

Ajude o seu público com conteúdo relevante

A ideia da criação do blog corporativo para a sua advocacia deve ser feita com o objetivo de ajudar um determinado público-alvo (no meio de marketing digital também chamamos de persona, que nada mais é do que o representante ideal pela decisão de compra) com a solução de problemas reais que essas pessoas enfrentam no dia a dia. Tenho certeza que se você falar para o público certo você terá um grupo de seguidores fiéis que utilizam as suas postagens como referência diária. Utilize a sua experiência com sua base atual de clientes para realizar anotações das perguntas que as pessoas já fazem no seu dia a dia. Aproveite para ser bem transparente e educar verdadeiramente seus clientes, com isso você vai ganhar não só autoridade do assunto como também vai conquistar a confiança para lidar com os assuntos de cada um deles. Vou dar alguns exemplos de conteúdo fictícios para exemplificar melhor: “Dicas para elaboração de um contrato de compra e venda de imóveis” ou “Saiba porque a sua empresa de recrutamento deve ter uma assessoria jurídica”. Estes são só alguns exemplos, mas busque sempre ser o mais específico possível, falando do segmento de mercado que você já tem experiência com outros clientes. Isso ajuda muito na identificação pela persona.

Busque esclarecer a linguagem jurídica

Após entender que a definição de um público alvo é essencial para aumentar a relevância do blog da sua advocacia, você verá que isso vai facilitar muito na listagem de categorias e tópicos relevantes para este segmento. E irão surgir os mais diversos assuntos que você tem experiência e pode esclarecer para os seus clientes, mas um que certamente se enquadra em todas as categorias é a tradução de termos jurídicos.
Realize pesquisas na internet visando encontrar os problemas que você escuta normalmente dentro da sua área de atuação. Você verá que grande parte dos clientes recebe uma notificação ou está lendo um documento em não consegue interpretar o que aquilo quer dizer devido à complexidade dos termos jurídicos. Ajude seus clientes no sentido de levar o esclarecimento de uma forma mais informal, para que eles possam captar a essência do seu artigo levando naturalmente com seriedade, mas com a oportunidade de assimilar a mensagem principal.

Aproveite para interagir com seu público

Após implementar o blog jurídico no seu site, você verá que muitos usuários acabam sendo “fidelizados” se o seu conteúdo for realmente relevante. Este é o momento que você deve manter uma frequência de postagens e utilizar algumas técnicas para manter um relacionamento com eles. Solicite aos seus usuários que façam um cadastro em sua lista de e-mails, convide-os para curtir sua página no Facebook e poste as novidades do seu blog em todas as redes sociais que você está cadastrado. Aproveite também o campo de comentários das postagens para responder as dúvidas dos seus leitores e interagir com o seu público, certamente vão surgir novas dúvidas em cima do conteúdo que você vai gerar, e um campo aberto para discussão como os comentários pode te aproximar do leitor e até mesmo conduzir a uma ligação ou visita ao seu escritório.

Conclusão

Acreditamos que um blog jurídico pode ser uma das melhores ferramentas de marketing para a criação de autoridade de profissionais liberais e escritórios de advocacia de todos os portes.

Se você está se perguntando em como fazer para desenvolver um blog para seu escritório de advocacia, conheça a solução que desenvolvemos para este segmento onde somos especialistas.

Nos planos de site para advogados da Aprimora Web você terá todas as ferramentas que sua advocacia precisa para se posicionar corretamente na internet, desde a Criação da sua Logomarca até a construção do seu Blog.

Se você ficou com alguma dúvida, não deixe de escrever no campo abaixo dos comentários. Se gostou do artigo compartilhe essa página na sua rede social favorita.

Compartilhe esse artigo com seus amigos!

RECEBA DICAS PARA SUA ADVOCACIA GRATUITAMENTE!

Insira seu e-mail e receba gratuitamente diversos materiais e dicas para trilhar o caminho do sucesso da sua advocacia! 
QUERO RECEBER!

Receba dicas exclusivas de como sua advocacia deve se posicionar na internet

Nós não enviamos SPAM
CADASTRE-SE